A FEMA, organização europeia que representa as associações nacionais de motociclismo, criticou tanto a Tesla quanto a agência de classificação de segurança Euro NCAP por preocupações com os sensores dos sistemas de segurança dos veículos que não identificam corretamente os motociclistas.

Esta situação vem no seguimento de três acidentes que envolveram veículos da Tesla e motociclistas, na Noruega e nos Estados Unidos, que apontam falhas nos sensores.

A FEMA indica que o Tesla Model Y, que recebeu uma pontuação de assistência de segurança de 98% como parte de seu recente resultado do teste de cinco estrelas Euro NCAP, não foi testado para detetar motociclistas, e que esta possível falha detetada nos sensores poderá contribuir para acidentes, principalmente em situações de visibilidade reduzida.

O Euro NCAP respondeu à FEMA indicando estar a trabalhar em novos testes para detetar Veículos de Duas Rodas a Motor e que fariam parte do seu protocolo de testes a partir do próximo ano. O Euro NCAP também manteve a classificação de cinco estrelas atribuída ao Tesla Model Y e refere que o fabricante merece crédito pelas elevadas pontuações sob o atual protocolo de testes.